top of page

ODS 19: Arte, Cultura e Comunicação Construindo um Futuro Equitativo


Imagem: @brunojungmann e @badauecomunica

Idealizado pela Unesp e UnB, este objetivo de desenvolvimento sustentável coloca a cultura no centro de nossa jornada em direção a um futuro mais equitativo e sustentável. Em um mundo cada vez mais interconectado, onde as fronteiras entre nações e culturas se tornam menos rígidas, o ODS 19 nos lembra que a cultura desempenha um papel fundamental em várias frentes, todas cruciais para a promoção da sustentabilidade global. Esse ODS destaca que a cultura desempenha um papel fundamental em várias frentes, incluindo a promoção da diversidade, inclusão, diálogo intercultural e preservação do patrimônio cultural. Na prática, esse ODS tem o objetivo de valorizar e respeitar diferentes culturas, além de fomentar projetos e ações que cuidam do patrimônio cultural e natural, apoiando empregos criativos e ecológicos que garantem a preservação da cultura e conhecimento dos povos.


Ele compreende a cultura não apenas como uma expressão artística ou histórica, mas também um meio poderoso de transformação social e ambiental. Aqui estão alguns pontos-chave que destacam a importância do ODS 19:


1. Diversidade Cultural e Inclusão: A cultura é um veículo para a expressão das identidades individuais e coletivas. Promover a diversidade cultural e garantir a inclusão de todas as culturas é essencial para criar sociedades mais justas e sustentáveis.


2. Diálogo Intercultural: Através do diálogo intercultural, as sociedades podem compartilhar experiências e perspectivas, promovendo a compreensão mútua e a resolução pacífica de conflitos. Isso é crucial para construir um mundo mais pacífico e colaborativo.


3. Patrimônio Cultural e Natural: A cultura está intimamente ligada à preservação do patrimônio cultural e natural. O ODS 19 reconhece a importância de proteger e conservar esses recursos para as gerações presentes e futuras.


4. Economia Criativa e Sustentável: A cultura desempenha um papel significativo na economia criativa, que abrange setores como artes, turismo, design e entretenimento. O ODS 19 promove o uso sustentável desses recursos culturais para impulsionar o desenvolvimento econômico.


5. Educação Cultural: Promover a educação cultural é uma parte fundamental do ODS 19. Isso envolve ensinar às gerações mais jovens sobre a importância da cultura e como ela pode contribuir para a sustentabilidade global.


6. Respeito pelas Tradições Locais: Respeitar as tradições culturais e indígenas é crucial para garantir que o desenvolvimento seja sensível à cultura e ao meio ambiente de cada comunidade.



Desfile da Escola de Samba Salgueiro, 1996. Sambódromo da Marquês de Sapucaí. Por Armando Borges

Em resumo, o ODS 19 reconhece que a cultura desempenha um papel vital na promoção da sustentabilidade e na consecução dos objetivos globais. Ele nos lembra que a sustentabilidade não é apenas uma questão de práticas ambientais, mas também de valores, identidades e respeito mútuo. Através do fortalecimento da cultura e do diálogo intercultural, podemos avançar em direção a um mundo mais sustentável e inclusivo para todos.

À medida que trabalhamos juntos para alcançar essa meta, estamos construindo um futuro equitativo, onde a diversidade cultural é preservada.




Kommentare


bottom of page